Projecto Sigauque

sigauqe

Sigauque Project Ao Vivo!

As suas influências musicais de todo o continente africano –Marrabenta, Mbalach Senegalês, Afro-beat Nigeriano - misturadas ao samba e nalguns toques de smooth jazz tornam o seu som numa verdadeira aventura musical. Com dois cantores e quatro sopros acompanhados por um baixo vibrante e uma ritmada secção de percussão, o espectáculo do grupo é algo a não perder.

Historial do Sigauque Project

Muitas das canções do Sigauque Project foram criadas e gravadas originalmente pela CMFD Productions como parte de projectos de comunicação para a mudança social. O álbum Humbanane (Switha Hela, Andiyiqondi, Alertos Da Vida) fez parte de Khuluma Africa!, uma Produção teatral de sensibilização sobre o tráfico de seres humanos. Os músicos contra a Xenofobia (Sigauque e Sinjengomfula), reuniram artistas de Moçambique, Zimbabwe e África do Sul para produzir quatro canções sobre a xenofonia e descriminação. Outras canções foram produzidas como bandas sonoras de seriados de rádio (drama) transmitidos nalguns países de África do tema musical de “Crossroads”, história sobre a troca de corpos entre um velho comandante da polícia corrupto e uma mulher do mercado - uma hilariante introspecção em torno do género e direitos da mulher em África. Crossroads (Quénia), Caminhos Cruzados (Moçambique, original do Eyuphuro), e Les Pistes Croisées (Senegal) são versões regionais. Bravos do Zambeze, tema musical de uma peça de teatro radiofónico, chama a atenção para a necessidade de se estar preparado para as cheias anuais em Moçambique e outras calamidades naturais

Para os últimos shows, visite o Sigauque Projeto página do livro rosto

Assista a vídeos sobre o Projeto Sigauque Você Canal Tubo

Para mais Informações visite

http://www.sigauqueproject.com/

  • Andiyiqondi - Melodia jazz suave. Uma mulher idosa e inteligente questiona a violência em seu redor (isiZulu). sigauque simblo
  • Alertos Da Vida - Marrabenta funky, inspirada na importância de os africanos cuidarem-se entre eles (Português e Changana).
  • Ethiopia - versão de um tema original do grupo canadiano Soul Jazz Orchestra.
  • Crossroads - tema musical da Novela "caminhos cruzados"sobre um velho comandante da polícia corrupto e uma mulher do mercado que trocam corpos, num hilariante olhar sobre questões de género em África (Inglês, kiSwahili).
  • Sinjengomfula -usando a metáfora de um rio com muitos tributários, recorda as pessoas, sem ter em conta onde nasceram ou que lingua falam, que existe apenas uma raça (Changana).
  • Bravos do Zambeze - Produzida em parceria com Isaú Meneses para fazer parte de uma Novela com o mesmo nome. Troca de palavras entre marido e mulher na iminência das cheias (Sena).
  • Sigaouque - abrindo com o chamamento "Makwerekwere! (expressão depreciativa usada para chamar os estrangeiros na África do Sul), recorda as pessoas que todos somos estrangeiros nalgum lugar (Changana).
  • Marabente minor - versão de uma canção de Manu Dbango.
  • Caminhos Cruzados - versão moçambicana Crossroads, no original gravada pelos Eyuphuro.
  • Ablade - do Gana, é uma das primeiras canções gravadas pela CMFD.
  • Switha Hela - Melodia sentimental, uma moça diz a irmã para ter cuidado na viagem à Joanesburgo, porque as promessas não são sempre o que parecem ser (Changana).
  • Pistes Croisees - tema inspirado no Mbalakh, original produzido em Senegal para o seriado Crossroads (Francês).

O grupo/ the group

Daniel Walter – líder, trompete/ leader, trumpet
Valy Mamade Camal – teclado/ keyboard
Laurent Roquier (Lora) trompete/ trumpet
Mateus Lelo António – percussão/ percussion
Mafir Hunguana - baixo/ bass
Hercilio “jojo” Jordao Zita
Muzila Malembe – baritono, baritone sax
Nicolau Cauaneque - alto sax
Carlos Fenias Madeule (Givas), guitarra/ guitar
Gina Macamo – Cantora/ singer
Iva Fernando Laquen

Para informação sobre espectáculos, contacta:Daniel +258 82 701 This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. Encontra o projeto sigauque no facebook

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Latest Productions